,

Corrupção generalizada: MP pede bloqueio de R$ 1 bilhão de Sérgio Cabral no Rio

002

RIO – O Ministério Público do Estado do Rio distribuiu nesta sexta-feira na 14ª Vara de Fazenda Pública uma ação civil por ato de improbidade administrativa com pedido de liminar para o bloqueio dos bens e cobrança de R$ 1,028 bilhão do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB-RJ), do ex-secretário de Desenvolvimento Econômico Julio César Carmo Bueno e da empresa Michelin, afim de ressarcir o estado valores de ICMS que deixaram de ser pagos, por causa da concessão de benefícios fiscais.

A ação se estende ao diretor-presidente e à diretora de operação da Agência de Fomento do Rio, Maurício Elias Chacur e Roberta Simões Maia de Araújo, respectivamente; e à diretora-presidente e ao diretor de informações da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio (Codin), Maria da Conceição Gomes Lopes Ribeiro e Pedro Paulo Novellino do Rosário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *