,

Marido de atriz denunciado, ricaço, pagou fiança para ficar livre, leve e solto

026

Preso na quinta-feira passada, 27,  no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, quando estava prestes a deixar o País rumo a Londres, o executivo Mariano Marcondes Ferraz aceitou pagar fiança de R$ 3 milhões para deixar a prisão na Lava Jato e cumprir medidas alternativas enquanto é investigado por suspeita de pagar propinas no esquema de corrupção na Petrobrás.

O acerto foi feito nesta tarde durante audiência do empresário com o juiz Sérgio Moro para definir sua situação.

Mariano contratou os advogados Figueiredo Basto e Adriano Bretas, responsáveis pelas delações de Alberto Youssef e Delcídio Amaral.

Para justificar o valor da fiança, disse o juiz Sérgio Moro:

“Quanto a fiança, o valor foi fixado tendo presente renda elevada do investigado (salário anual declarado de USD 300 mil ano), além da dimensão do suposto crime, com pagamento de vantagem indevida de cerca de USD 868 mil. Convertendo valor pelo câmbio de hoje, tem-se cerca de R$ 2,8 milhões, que arredondei para três milhões”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *