,

Sérgio Cabral (PMDB) vai entregar a planta e o Michel Temer. #somostodoslavajato

017

A prisão preventiva do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, na manhã desta quinta-feira (17) faz parte de mais uma ofensiva da força-tarefa da Operação Lava Jato que busca desmontar o forte esquema de corrupção que atuou na esfera do poder público.

Cabral foi preso em casa e conduzido até à Superintendência da Polícia Federal para prestar depoimento. De acordo com informações ele sabe de toda movimentação de dinheiro envolvendo nomes do PMDB e do PT além de empresários que atuaram em contratos públicos.

Há fortes indícios que ele declare informações envolvendo a cúpula do PMDB e pode ser que surja até mesmo o envolvimento do presidente Michel Temer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *