,

Tchau querido: Renan Calheiros caiu na própria arapuca! Quem curte, compartilha!

010

O senador Roberto Requião (PMDB-PR), indicado junto com outros sete parlamentares para integrar a chamada “Comissão Especial do Extrateto” do Senado, continua recebendo a pensão especial referente ao período em que atuou como governador do Paraná (três mandatos).

Somando a “aposentadoria” de ex-chefe do Executivo, de R$ 30.471,11 (R$ 23.484,51 com os descontos obrigatórios), com a remuneração relativa ao atual mandato no Senado, de R$ 33.763,00 (R$ 22.654,94 com os descontos obrigatórios), o valor mensal recebido por Requião ultrapassa o teto constitucional, que hoje é de R$ 33.763,00. O salário de R$ 64 mil mensais nunca impediu o senador Requião de fazer um discurso de esquerda, crítico ao “capital vadio” e simpático ao regime bolivariano da Venezuela.

Nas duas “folhas de pagamento” disponibilizadas nos portais da transparência do governo do Paraná e do Senado, não há qualquer informação sobre a aplicação de um redutor para adequação ao teto constitucional.

Assim, com base nos sites oficiais, o senador receberia um total de R$ 64.234,11 (R$ 46.139,45 com os descontos obrigatórios).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *