,

Urgente: China ameaça invadir a Venezuela

005

Agora que o presidente venezuelano Nicolás Maduro está em situação instável, a China decidiu começar as negociações com a oposição. Pequim quer estar seguro de que Caracas cumprirá as suas obrigações mesmo em caso de mudança de governo no país.

Na sua opinião de Sergei Sanakoev, presidente do Centro de Análise Russo-Chinês, Pequim não se comporta como Washington – força hegemônica no mundo, propõe compromissos em relação às dívidas venezuelanas.

De acordo com o Sputnik, Sanakoev não vê hipocrisia nas negociações da China com a oposição. Na sua opinião, é uma coisa normal. “A China mostra a todas as forças políticas venezuelanas que tudo o que a China fez no país foi para o bem dele“, afirmou, acrescentando que a China não concede créditos diretos. Habitualmente, são trabalhos na área social, por exemplo, Pequim construiu cidades. E tudo isso foi feito para o povo venezuelano. São ativos que não podem ser transportados para a China.

A Venezuela pode pagar a sua dívida à China por meio de exportações de petróleo. Assim, Pequim poderá reaver os $65 bilhões investidos na Venezuela.

Caso a oposição assuma o poder na Venezuela e se negue a pagar a dívida, os chineses deixaram claro que não aceitarão pacificamente isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *