,

URGENTE: Federal prende empresário tentando fugir no aeroporto. Ele faz parte do esquema da Petrobras

002

O empresário Mariano Marcondes Ferraz, vinculado aos grupos Trafigura e Decal, foi preso no aeroporto de Guarulhos pela Polícia Federal na tarde desta quarta-feira, por determinação do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba. Ele embarcaria num voo para Londres.

Ferraz é investigado por corrupção e lavagem de dinheiro e foi alvo de prisão preventiva, decretada por Moro a pedido da força-tarefa da Lava-Jato. Segundo o Ministério Público Federal, entre 2011 e 2013 ele pagou mais de US$ 800 mil ao então diretor de abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, decorrente de propina em contratos com a estatal.

Os depósitos foram feitos em contas no exterior, em nome de genros de Paulo Roberto Costa. Em acordo de delação premiada, o ex-diretor da Petrobras confirmou os recebimentos de propina até 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *